Mamã

19.50

Em estoque

Texto e Ilustração: Hélène Delforge | Quentin Gréban
Tradução: Joana Barata
Número de Páginas: 64 Páginas
Idioma: Português – pt
SKU: BOOK-MAMA Categorias: , ,

Lançamento

Inscreva-se para acompanhar o lançamento

Uma das primeiras palavras do mundo. Um nome único, que designa milhares de mulheres. Uma palavra que quer dizer amor, ternura, laço e por vezes ausência. Há tantas mamãs quantos filhos. E no entanto, em qualquer parte do mundo, todas as mamãs parecem as mesmas quando seguram os vossos bebés nos braços. As ilustrações incrivelmente poéticas e expressivas do artista belga Quentin Greban tocam a alma; textos curtos e amplos de Helene Delforge contam 30 histórias diferentes de amor materno.

Este livro é a série de diário pessoal tecido a partir das histórias de mulheres de diferentes épocas, nacionalidades, profissões, crenças de vida, mas todas elas tem uma coisa um comum -são mães que amam seus filhos. Momentos arrebatados, reflexões, esperanças, medos, sorrisos sem fim, beijos e abraços. A vida das mulheres. Os destinos das mães e filhos são tecidos por um forte fio em um. Tão trêmulo e sútil, tão profundo e terno.

As histórias contadas neste livro penetram no próprio coração desde as páginas, passando pelas pontas dos dedos e transformando-se em emoções puras. O livro para abrir as dobras da memória, chorar com as lágrimas da felicidade, sentir saudade e sentir a alegria de ser mãe.

Peso 0.560 kg
Dimensões 21 × 27.5 × 1.2 cm

Autor(a)

Hélène Delforge

Trabalhou como professora e jornalista. Ela estudou literatura e, desde pequena, sempre quis ser artista. Esta vocação traduziu-se em muitas histórias publicadas em diferentes editoras.

Quentin Gréban

Estudou ilustração no Instituto Saint Luc de Bruxelas. Desde 1999, ele publicou mais de 25 livros infantis e suas obras foram traduzidas para uma dezena de idiomas. Em 2000, ele recebeu o Prêmio Saint-Exupéry por Les Contes de I’Alphabet. Além disso, seus trabalhos foram selecionados pela Feira do Livro infantil de Bolonha em 1999, 2000 e 2009.

 

Tradutor(es)

Joana Barata

Num dia quente de Agosto de 1989, no mesmo em que há muitos séculos Portugal uma batalha vencia, nasceu a Joana Barata, uma menina morena e baixinha e que ainda hoje é mais conhecida por Joaninha.

Apaixonada por muitas coisas, mas em particular por ler e escrever, quis o caminho, que percorreu sempre junto ao mar, que se formasse em Línguas, Literaturas e Culturas e nunca deixasse o mundo das histórias de encantar.

Entre os trabalhos a tempo inteiro que tem, um dos quais ser mãe, haverá sempre lugar para a escrita, e das coisas que mais fazem a Joana feliz é poder partilhar histórias com o resto do mundo, quer as suas e quer as dos outros, através da tradução.

A Joana tem um livro publicado, “As Luas da Mãe”, e a “Lea e o Elefante” foi a sua primeira tradução publicada.

Mais vendidos

Infantil

Mamã

19.50
Selo Ler Mais

Infantil

Abrigo

13.90
Novo

Infantil

Antes de dormir

14.50
Home
Minha Conta
0
Carrinho
Livros
Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Conto na Escola